quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Para alguém que um dia foi

Sinto muito, amor, se nos perdemos tão depressa.
Se já não amo seus defeitos. Se já não amo você.

"O silêncio é uma tortura. Você já não me olha com ternura. Só falta me dizer adeus." Paulinho da Viola

1 comentários:

julia disse...

nossa esse post é foda...
Queria levar uma pé na bunda desses...zilhoes de vezes mais maduro que simplesmente não atender o telefone..